extratobancariofacil

Extrato bancário fácil?

Com tantas taxas, aplicações, resgates como analisar o extrato bancário fácil?

Quando analisamos nossos extratos bancários, por vezes até ficamos de cabeça quente, com tanta informação e dificuldade em fazer as contas separando as aplicações e resgates. O saldo do extrato pode até parecer estável, mas como fica o saldo real do que tenho para gastar? Como posso visualizar as contas de maneira simples e clara?

MUITA INFORMAÇÃO

É comum encontrarmos um monte de informações como:

– Tarifa de pacote de serviços

– Tarifa giro rápido

– Cobrança

– CRED. APOS CE

– TedEletronico

– Débito serviço de cobrança

– LIQ.COB. REG.BX

– LIQ.COB.INTER

– Tarifa reg. cobrança

– Resgate

– Aplicação

 

TAXAS OU MOVIMENTAÇÕES?

Em primeiro lugar precisamos identificar e entender o que são todos este lançamentos. São taxas ou movimentações?

Lançamentos como “Débito serviço de cobrança”, “LIQ.COB. REG.BX”, “LIQ.COB.INTER” e “Tarifa reg. cobrança” são tarifas cobradas pela emissão ou cobrança de faturas e só acontecem na emissão de boletos, débito automático de acordo com o que a empresa cobrar.

Diferente do anterior, lançamentos como “Tarifa de pacote de serviços”, “Tarifa giro rápido” costumam ser geradas todos os meses por conta de uso da conta e cobrança pelo banco.

Por último, transferências, aplicações e resgates serão usados a cada movimentação entre contas, poupança e ou aplicação.

ORGANIZANDO

Para as muitas taxas é importante que sejam organizadas por grupo, categorizadas e somadas. Assim se terá ideia de quanto se está gastando com o banco, e talvez negociar com o seu gerente para reduzir tantas cobranças que vão sendo acrescidas no decorrer do ano sem percebermos.

FILTRANDO TRANSFERÊNCIAS, APLICAÇÕES E RESGATES

Continuando a organizar, talvez a maior das dificuldades, seja visualizar o saldo quando temos tantas movimentações de transferências entre contas, poupança e principalmente se utilizarmos o resgate automático.

Para clarear a visualização do saldo e de um extrato mais fácil, recomendamos a utilização de um bom sistema financeiro.

Após a conciliação bancária você pode visualizar o fluxo de caixa como abaixo:

fluxocaixa1

Mas, após fazer um filtro excluindo transferência, você pode visualizar o fluxo de caixa de uma maneira mais aderente ao que realmente acontece em sua empresa:

fluxocaixa2

Observe com atenção, na simulação acima o item transferências foi retirado e uma indicação que os saldos mensais poderiam estar zerados ou até positivos, passou para outra situação mais verdadeira, mostrando a necessidade mudanças rápidas.

 

CONCLUSÃO

Analisar o passado, tendo uma visão clara e correta a partir do extrato e de uma boa conciliação bancária pode ser o fator determinante para tomada de decisões importantes em tempo hábil.

Deixe o seu comentário